Equipamento de segurança para transporte de bebês e crianças em automóveis

Sobre o Invento

A “alça para fixação de bebê conforto e cadeirinha” abraça o encosto do veículo para permitir a fixação do equipamento em veículos que só dispõem de cinto de dois pontos. A alça poderá ser feita em material plástico ou metálico, com revestimento de espuma, para melhor conforto do usuário, e deverá ser incluída ainda na etapa de confecção dos equipamentos. Wellington criou também o “suporte de adaptação” que permitirá a quem já possui um bebê conforto ou cadeirinha fixá-lo com segurança ao veículo.

Inventor: Wellington Chaves Pereira

Categoria: Segurança Benefícios: “Todos os transportes escolares possuem cinto de dois pontos, porém, as cadeirinhas foram desenvolvidas para uso com cinto de três pontos – quando dispostas em vans escolares, elas não ficam prestas e correm o risco de virar frontalmente durante o trajeto. O sistema de ‘alça’ que desenvolvi atende esse problema”, avalia Wellington.

Público-Alvo: O inventor já registrou as duas patentes junto ao INPI (Instituto Nacional de Propriedade Intelectual) a “alça para fixação de bebê conforto e cadeirinha” bem como o “suporte de adaptação” e atualmente busca investidores para produzir e comercializar seu produto, seja por meio da venda da patente ou do seu licenciamento.

Release

Inventor cria solução para fixar cadeirinhas e bebês conforto às vans escolares

A “alça para fixação de bebê conforto e cadeirinha” foi desenvolvida para uso com cintos de dois pontos A partir de fevereiro de 2017, passa a ser obrigatória o uso de cadeirinhas e bebês conforto no transporte escolar. Porém, o design atual desses produtos foi desenvolvido para cinto de segurança de três pontos, enquanto as vans escolares contam com sistema de dois pontos.

Wellington Pereira, afiliado à Associação Nacional dos Inventores (ANI), ciente da importância de um equipamento que ofereça maior segurança aos pequenos, desenvolveu a “alça de fixação de bebê conforto e cadeirinha” para resolver esse problema. A “alça para fixação de bebê conforto e cadeirinha” abraça o encosto do veículo para permitir a fixação do equipamento em veículos que só dispõem de cinto de dois pontos.

A alça poderá ser feita em material plástico ou metálico, com revestimento de espuma, para melhor conforto do usuário, e deverá ser incluída ainda na etapa de confecção dos equipamentos. Wellington criou também o “suporte de adaptação” que permitirá a quem já possui um bebê conforto ou cadeirinha fixá-lo com segurança ao veículo.

“Todos os transportes escolares possuem cinto de dois pontos, porém, as cadeirinhas foram desenvolvidas para uso com cinto de três pontos – quando dispostas em vans escolares, elas não ficam prestas e correm o risco de virar frontalmente durante o trajeto. O sistema de ‘alça’ que desenvolvi atende esse problema”, avalia Wellington.

O público-alvo de ambos os produtos são tanto os pais e responsáveis, como profissionais da área de transporte escolar. O inventor já registrou as duas patentes junto ao INPI (Instituto Nacional de Propriedade Intelectual) a “alça para fixação de bebê conforto e cadeirinha” bem como o “suporte de adaptação” e atualmente busca investidores para produzir e comercializar seu produto, seja por meio da venda da patente ou do seu licenciamento.

Sobre a ANI – A Associação Nacional dos Inventores foi criada para que as invenções brasileiras possam servir à sociedade e estimular os inventores a continuar dedicando-se à inovação. Todos os projetos acompanhados pela ANI possuem proteção legal, além de estudo de seu funcionamento. A associação também busca empresas, investidores e parceiros que queiram viabilizar os projetos e disponibilizá-los em larga escala no mercado. Site: www.inventores.com.br

Apresentação

Investir no Projeto

ATENÇÃO: NÃO ESTAMOS VENDENDO UNIDADES DAS IDÉIAS AQUI DEMONSTRADAS, ESTAMOS SIM, PROCURANDO FABRICANTES – PARCEIROS, PARA PRODUZI-LAS E COMERCIALIZAR JUNTO AO MEIO EMPRESARIAL

Deixe seu comentário