Molde de alimentos multi-sabores para pizzarias

Sobre o Invento

O “molde multi-sabores para pizza” será confeccionado em alumínio e poderá ser usado por pizzaiolos ou por entusiastas da gastronomia caseira. “A pessoa estica a massa, põe o molde e preenche com os sabores conforme sua conveniência.

Dá até para colocar doce e salgado no mesmo disco. Por esse sistema, cada pizza pode ter até oito sabores” explica o inventor. O molde, ao ser retirado, já ajuda a cortar as fatias.

Inventor: Carlos Eduardo Macedo Henrique

Categoria: Alimentação

Benefícios: A inspiração, segundo inventor, para o “molde multi-sabores para pizza” surgiu da necessidade de agradar os diversos paladares da própria família: “Na minha casa, minha mãe, eu e meu pai não gostamos dos mesmos sabores.

Eu não gosto de espinafre e nem de rúcula e acho que cansei de agradar à minha mãe. Comecei a buscar uma solução que permitisse que vários sabores pudessem ser harmonizados no mesmo disco. O resultado é prático e não altera o modo e o tempo de produção tradicional”.

Parceria – O inventor já possui proteção legal do projeto além de estudos de seu funcionamento, sendo que agora procura por empresas e parceiros que queiram investir na ideia e disponibilizá-la em escala no mercado.

Para mais informações, representações ou distribuições, entre em contato pelo próprio site ou com seus procuradores – Associação Nacional dos Inventores, através do telefone (11) 3670-3411 ou e-mail [email protected]

Release

Inventor cria acessório para produzir pizzas com até 8 sabores

Objetivo é que as pizzarias se destaquem ao dar mais liberdade de escolha aos clientes As pizzarias, apenas na capital paulista, movimentaram R$ 5,1 bi em 2015.

O Brasil também é o país onde a criatividade na criação das redondas parece não ter limites: novos sabores surgem com frequência – até redondas de hot-dog podem ser encontradas! Nosso país volta a inovar no setor, desta vez com o “molde multi-sabores para pizza”, desenvolvido pelo empresário Carlos Eduardo Macedo, afiliado à Associação Nacional dos Inventores (ANI).

A meta é tornar ainda mais dinâmico esse mercado, permitindo que a pizzaria ofereça o máximo de personalização na oferta de sabores.

O “molde multi-sabores para pizza” será confeccionado em alumínio e poderá ser usado por pizzaiolos ou por entusiastas da gastronomia caseira.

“A pessoa estica a massa, põe o molde e preenche com os sabores conforme sua conveniência. Dá até para colocar doce e salgado no mesmo disco.

Por esse sistema, cada pizza pode ter até oito sabores” explica o inventor. O molde, ao ser retirado, já ajuda a cortar as fatias.

Para pizzarias, Carlos Eduardo desenvolveu ainda um “separador universal de sabores”, confeccionado em papelão e que deve ser disposto sobre a redonda após ela estar assada. Com isso, durante o transporte não há o risco de que os sabores se misturem. A inspiração, segundo inventor, para o “molde multi-sabores para pizza” surgiu da necessidade de agradar os diversos paladares da própria família: “Na minha casa, minha mãe, eu e meu pai não gostamos dos mesmos sabores.

Eu não gosto de espinafre e nem de rúcula e acho que cansei de agradar à minha mãe. Comecei a buscar uma solução que permitisse que vários sabores pudessem ser harmonizados no mesmo disco. O resultado é prático e não altera o modo e o tempo de produção tradicional”.

Como público-alvo, Carlos Eduardo visa tanto os restaurantes, bares e pizzarias quanto o consumidor que produz as próprias pizzas.

O “molde multi-sabores para pizza”, bem como o “separador universal para pizzas” já estão registrados junto ao INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial) por Carlos Eduardo que, atualmente, busca investidores para produzir e comercializar seus produtos, seja por meio da venda da patente ou do seu licenciamento. Saiba mais – Confira a entrevista que o inventor Carlos Eduardo Macedo concedeu ao programa Ideias&Invenções, da ANI.

Sobre a ANI – A Associação Nacional dos Inventores foi criada para que as invenções brasileiras possam servir à sociedade e estimular os inventores a continuar dedicando-se à inovação. Todos os projetos acompanhados pela ANI possuem proteção legal, além de estudo de seu funcionamento. A associação também busca empresas, investidores e parceiros que queiram viabilizar os projetos e disponibilizá-los em larga escala no mercado.
Site: www.inventores.com.br

Apresentação

Investir no Projeto

ATENÇÃO: NÃO ESTAMOS VENDENDO UNIDADES DAS IDÉIAS AQUI DEMONSTRADAS, ESTAMOS SIM, PROCURANDO FABRICANTES – PARCEIROS, PARA PRODUZI-LAS E COMERCIALIZAR JUNTO AO MEIO EMPRESARIAL

Deixe seu comentário